Introdução
Esta é uma forma carinhosa que escolhi para manifestar o meu contentamento pelo privilégio de ter podido desfrutar de um convívio sadio, onde aproveitei todos os lances para crescer e levar comigo valiosas lembranças e a certeza do(a) amigo(a) em cada um de vocês. Podemos sentir que estamos devidamente enquadrados e assim permaneceremos, envolvidos por saudades.

O autor
 

EU ATRAVÉS DE  MIM

                                                                                                VI

Neste momento de festa                                             Cada membro do Grupão

Com tristeza e alegrias                                                Revelou um lado seu

Menciono belos fatos                                                  P’ra ficar mais à vontade                   

Que considero iguarias                                                Dou início pelo me

            II                                                                                 VII

25 de setembro                                                            Durante uma semana

Teve início este C.M.A.M.                                          Falei mais que camelô

Todo mundo bem cabreiro                                          O Grupão se reuniu

Vivia aquela manhã                                                     Muito bem me controlou (Obrigado!)

            III                                                                                VIII

Todos bem comportadinhos                                        A turma bem consciente

Entramos logo na Sala                                                E também preocupada

Vêm Coordenador e Diretor                                       Uma enorme criancinha

Chamando a gente p’ras fala                                      Com gigante gargalhada

            IV                                                                                IX

Logo nas primeiras aulas                                             As aulas continuavam

Imaginem o desfecho                                                  A turma pegou embalo

Todo mundo “experiente”                                          Todo caso aqui presente

Querendo vender seu “peixe”                                     Já era, lá em São Paulo

            V                                                                                 X

Por isso, daqui p’ra frente                                           Estudamos p’ra valer

Cultivemos o bom lado                                               Foi fato de causar dó

Levante o braço o colega                                            Mas nos trouxe alegria

Que se achar enquadrado                                            O chorinho da vovó

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

            XI                                                                                XVI

Nós estamos p’ro Menor                                             Tem gente que pensa muito

Como o carpinteiro p’ra pua                                       Tem gente que fala pouco

Não me mexam com a menina                                    Onde está nossa colega

Que promete ficar nua                                                Que comeu rabo de porco?

            XII                                                                              XVII

A turma estudou muito                                               Registramos coisas boas

Do início até então                                                      Bom amigo não engana

Falo assim todas as vezes                                            Refazer as energias

Que me encho de razão                                             Conto com o fim-de-semana

            XIII                                                                             XVIII

P’ra falar deste CMAM                                              Tenho estudado em excesso

Caso queiram eu amanheço                                         Nunca mais joguei biriba

Puxa! Esse é trabalho de Grupo                                  Convido todos vocês

Tal palavra eu desconheço                                         P’ra curtir em Sepetiba

            XIV                                                                             XIX

Conforme estava previsto                                           Comemoramos o primeiro mês

A Programação foi dada                                             Falar nisso nos convém

Ela foi eficiente                                                           Comemos bolo gostoso

Mesmo ficando calada                                               Que foi feito por meu bem

            XV                                                                              XX

Houve proveito de todos                                            Fiz ginástica e regime

Todo mundo esteve alerta                                           Consegui emagrecer

Ele bem participou                                                      A zebra quase se solta

Falando na hora certa                                                Eu fiquei doente, Che

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

            XXI                                                                             XXVI

Participei a meu modo                                                Caxambu é muito frio

Achei tudo bem concreto                                            Alguém assim informou

Falsifiquei bilhetinhos                                                 Ele discordou da idéia

Para o meu amigo secreto                                          Quem falou? Quem falou?

            XXII                                                                           XXVII

O macaco quando é velho                                           Agora vou registrar

Desconfia da cumbuca                                                Os momentos e locais

P’ra descobrir o amigo                                                Cuidemos bem do Menor

Quase que quebro a cuca                                          Olha a turma das vogais

            XXIII                                                                          XXVIII

Eu também quero falar                                                Agradecemos motoristas e tias

Para as mangas tenho pano                                         A todos que demos trabalho

Aprendi dizer o “ Tá ”                                                            A Porto, Flávio e Antonio Luís

E curtir americano                                                     Cosme-Damião e Fialho

            XXIV                                                                          XIX

Eu prefiro o continente                                               Alguém não enquadrada

Mas também gosto da ilha                                          Mas o propósito foi meu

Vou passar pelo hotel                                                  Ave Maria! Ó Chiquinho

Depois vou ver minha filha                                       Não esquece o amor teu

            XXV                                                                           XXX

À festa eu vou de longo                                              Agradecemos a todos

O meu amor vai de fraque                                          Esta turma excelente

Estou morrendo de saudades                                      Nos ensinou o previsto

Quero rever o meu craque                                         Isso nos deixa contentes

------------------------------------------------------------------------------------------------------------                     XXXI

Nosso Brasil é grande

É dureza lutar só

Quero de vocês amor

Esta voz é do Menor

            XXXII

O Problema do Menor

É comum de Norte a Sul

O caso é sério e delicado

Desculpem-me, é do Peru!

 

   

Sobre...

“A História da Humanidade registra os movimentos de guerra em todos os momentos evolutivos das sociedades no mundo inteiro... Se tem sido possível formar batalhões destrutivos baseados no egoísmo, talvez seja possível, mais razoável e humano compor legiões construtivas respaldadas no altruísmo”